Bem viver
12
julho

Tipos de copos e taças: qual o ideal para cada bebida?

Com uma infinidade grande de copos disponíveis no mercado, é comum que a gente se confunda na hora de servir uma bebida para os convidados. Pode parecer óbvio qual é a função de um copo, mas, além de ser um recipiente para bebermos algo, ele pode ajudar a valorizar o sabor e a apresentação da bebida! Por isso, a importância de conhecer os tipos de copos e qual o ideal para cada bebida.

Aliás, você sabia que existem marcas que possuem até 400 diferentes tipos de copos e taças?  Mas como servir bebidas corretamente com tanta variedade? Por isso, separamos uma lista com os diferentes tipos, e qual é o ideal para ser usado com cada bebida! Confira a seguir!

Tipos de copos

Antes de tudo, você deve ter se perguntado: “Como assim tipos de copos? Não dá para usar o mesmo para tudo?” Até dá! Porém, existem muitos modelos que são fabricados daquele formato, para proporcionar uma melhor experiência no momento de degustar a cerveja, o drink, o whisky e afins.

Usar o tipo de copo adequado faz muita diferença, principalmente, na hora de oferecer um serviço de bebidas. Quem trabalha como barman, sabe do que eu estou falando! 

Caneca

Uma bebida quente precisa de um tipo de copo grande que facilite a manutenção da temperatura por mais tempo. Além disso, ela precisa ser confortável para segurar e não queimar a mão. Por isso é que chás, cafés, chocolates quentes e drinks com essas bebidas são servidos em canecas.

Taça para água

Como a água não sofre alteração de sabor no tempo de um jantar, sua taça precisa apenas mantê-la gelada ou em temperatura ambiente, conferindo elegância ao degustador. A taça para água é sempre de tamanho grande.

Taça de Martini

Ideal para servir o drink que dá nome a esse tipo de copo, como também diversos tipos de coquetéis gelados. Esse copo tem a boca bem larga, porém corpo pequeno e haste longa e fina, com o formato de Y, para evitar que as bebidas esquentam nas mãos e possam ser saboreadas em pequenos goles.

Taça para vinho

A taça para o vinho branco é menor, pois a bebida deve ser servida aos poucos para manter a temperatura sempre gelada. Já a taça para o vinho tinto tem um bojo maior, já que a bebida precisa de contato com oxigênio para liberar seu aroma e sabor. O recipiente deve estar sempre preenchido até um terço de sua capacidade.

Taça para licor

Por ser uma bebida doce e consistente, o licor é consumido em pequenos goles, assim como o vinho do Porto. Consumido logo após as refeições por ter propriedades digestivas, o licor deve ser servido em uma taça de porte pequeno a médio.

Copo long drink

O copo long drink é um copo alto e fino, de 250ml, muito utilizado em festas e eventos para servir bebidas não alcoólicas, como sucos, refrigerantes e também água. Esse é um copo coringa, também usado para drinks e coquetéis que podem ser servidos com gelo.

Taça para espumante e champanhe

Os espumantes e champanhes precisam ser protegidos do calor das mãos, por isso eles devem ser servidos em taças com haste longa. Também chamada de flûte, esta taça deve ter o corpo longo e a boca estreita, características que permitem que o degustador visualize as borbulhas e que mantêm o equilíbrio entre a acidez, o sabor, os aromas e a efervescência da bebida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM


Dicas para ter cachorro em apartamento
Roupa de cama infantil: como deixar o quarto mais divertido
Utensílios de cozinha que não podem faltar em sua casa
Cromoterapia: como ela influencia no seu bem estar
1234