Bem viver
22
julho

A importância e as fases do sono

Você sabia que existem duas fases principais do sono? Entenda mais sobre essa diferença e sua importância

O sono é um momento extremamente relaxante e um processo vital para o nosso organismo. Da mesma forma, o sono é um estado fisiológico complexo: ele não pode ser evitado e é dividido em duas fases, REM e NREM.

Durante o sono, o indivíduo não apresenta movimentos propositais e seus olhos podem estar fechados ou entreabertos. Sem ele, nosso organismo passaria a apresentar problemas graves, como prejuízos à capacidade de memorização, cognição e desempenho motor, além de irritabilidade, cansaço, dores de cabeça, visão turva e alterações no metabolismo. 

Entenda mais sobre as fases do sono

Como dissemos, o sono pode ser dividido em duas fases: Movimentos Oculares Rápidos (REM) e Sem Movimentos Oculares Rápidos (NREM). O sono REM apresenta apenas um estágio, enquanto o NREM apresenta quatro estágios de sono diferentes.

Que tal conhecer mais sobre essas fases e como elas afetam o seu sono?

Sono NREM:

O sono NREM representa aproximadamente 75% do sono de uma pessoa e é considerado um sono fisiologicamente tranquilo, com baixa frequência cardíaca e respiratória.

Nessa fase do sono, observa-se um aumento da atividade parassimpática – capacidade do organismo de responder a situações de calma – e, no decorrer de cada estágio, ocorrem alterações nos níveis de consciência.

No último estágio do sono NREM, por exemplo, o nível de relaxamento do indivíduo é muito maior, estando alheio ao mundo ao seu redor, enquanto no primeiro nível, o relaxamento é leve, sendo considerado um período de transição entre o estado de vigília e sono. 

Sono REM:

Essa fase do sono só ocorre após um período de sono NREM e apresenta inúmeras alterações fisiológicas, como frequência cardíaca e respiratória elevadas, assim como a pressão arterial e o fluxo sanguíneo cerebral.

Nesse sono ocorrem atividades cerebrais de fundamental importância para a memória e o aprendizado. Ele pode ser comparado ao estado de vigília, representando 25% do total do sono do indivíduo. Além disso, essa fase é responsável pelos sonhos durante a noite.

Engana-se quem pensa que uma pessoa pode permanecer em apenas um estágio de sono. Geralmente, o sono está organizado em ciclos, nos quais os estágios REM e NREM alternam-se, sendo o sono NREM encontrado, normalmente, na primeira metade do período do sono. 

A idade, temperatura, doenças e uso de determinados medicamentos influenciam diretamente nos ciclos de sono de uma pessoa. O natural é que haja, ao menos, cinco desses ciclos durante a noite. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM


Quais os melhores exercícios para o corpo e mente na terceira idade?
Você conhece o travesseiro Airflow da Altenburg?
Qual a relação entre a cafeína e o sono?
O que o nosso corpo faz enquanto dormimos?
1234