Bem viver
27
julho

Conheça as principais causas da insônia

Você sabe quais são as causas da insônia? Não!? Então, fique conosco, pois hoje iremos desvendar essa doença que tem afetado cada vez mais pessoas. 

A insônia é um distúrbio do sono que atinge até 35% dos adultos, e de acordo com dados da Associação Brasileira do Sono(ABS), alcança cerca de 73 milhões de pessoas. Seus sintomas são caracterizados por problemas severos para dormir e de permanecer dormindo durante a noite e/ou outros horários, o que acaba desencadeando alguns efeitos graves à saúde devido à privação do sono. 

As causas da  insônia incluem estresse, sono irregular, além de alguns distúrbios de saúde mental como ansiedade e depressão, doenças físicas e dor, problemas neurológicos e outros distúrbios específicos do sono. 

Para muitas pessoas, uma combinação desses fatores pode desencadear uma piora crítica no rendimento físico, mental, sexual, escolar e profissional. Quer saber mais sobre o assunto? Confira a seguir quais as principais causas da insônia. 

Quais são as causas da insônia mais comuns?

Existem diversas causas da insônia e, em muitos casos, vários fatores podem estar envolvidos. O sono ruim também pode desencadear ou piorar outras condições de saúde, criando uma complexa cadeia de causa e efeito para a insônia.

Em um nível holístico, acredita-se que a insônia seja causada por um estado de hiperexcitação que interrompe o adormecer. A hiperexcitação pode ser mental e/ou física, desencadeada por uma série de circunstâncias e problemas de saúde.

Insônia e Estresse

O estresse pode provocar uma reação profunda no corpo que representa um desafio para a qualidade do sono. Essa resposta ao estresse pode vir do trabalho, da escola e das relações sociais. 

A exposição a situações traumáticas pode criar estresse crônico, incluindo transtorno de estresse pós-traumático (TEPT).

A resposta física do corpo ao estresse contribui para a hiperexcitação e o estresse mental pode ter o mesmo efeito. Assim, a incapacidade de dormir pode se tornar uma fonte de estresse, tornando cada vez mais difícil quebrar o ciclo da insônia.

Insônia e horários irregulares de sono

Em um mundo ideal, o relógio interno do corpo, conhecido como ritmo circadiano, segue o padrão do dia e noite. Porém, é muito comum as pessoas terem horários de sono que causam desalinhamento do ritmo circadiano.

Um bom exemplo bem conhecido e que pode ser umas das causas da insônia é o trabalho por turnos, o qual exige que uma pessoa trabalhe durante a noite e durma durante o dia, afetando completamente o seu ciclo circadiano e esse hábito pode acabar desencadeando a insônia. 

Insônia e estilo de vida

Alguns hábitos e rotinas, como o que comemos e bebemos, podem aumentar o risco de insônia de uma pessoa.

Várias escolhas de estilo de vida podem ser causas da insônia, como:

  • Manter o cérebro estimulado até tarde da noite, como: trabalhar até tarde, jogar videogame ou usar outros dispositivos eletrônicos;
  • Cochilar no final da tarde pode atrapalhar seu horário e dificultar o sono à noite;
  • Dormir até mais tarde para compensar o sono perdido, pode confundir o relógio interno do seu corpo e dificultar o estabelecimento de um horário de sono saudável.

Alguns alimentos também podem causar problemas de insônia. Por exemplo: 

  • A cafeína é um estimulante que pode permanecer em seu sistema por horas, dificultando o sono e potencialmente contribuindo para a insônia quando usado à tarde e à noite;
  • A nicotina é outro estimulante que pode afetar negativamente o sono;
  • O álcool, apesar de deixar as pessoas um pouco sonolentas, pode acabar piorando a qualidade do sono, fragmentando todo o ciclo. Isso faz com que o repouso não seja restaurador;
  • Comer refeições pesadas à noite dificulta o processo digestivo, sendo uma das principais causas da insônia. 

Como começar a dormir melhor e se afastar da insônia? 

Após termos entendido melhor o que a insônia é e como ela pode ser desencadeada no corpo, vamos explicar o que você pode fazer para começar a dormir melhor. 

Primeiramente, é importante você seguir uma rotina, indo para a cama nos mesmos horários diariamente. Tente relaxar pelo menos 1 hora antes de deitar, procurando fazer alguma atividade relaxante como ler um livro ou um banho quente, por exemplo. 

Quando for deitar, certifique-se de que o quarto está devidamente escuro e tranquilo, e evite ao máximo utilizar aparelhos eletrônicos que projetem luz. 

Por fim, garanta que seu colchão, travesseiros e enxoval em geral estejam confortáveis e limpos, pois essa sensação lhe dará o relaxamento necessário para se obter a qualidade de sono esperada.

Gostou das dicas? Então continue acompanhando nosso blog e confira mais artigos como este!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM


Como mudar a decoração do quarto com roupas de cama
Travesseiros antimicrobianos
Entenda como o travesseiro pode estar relacionado às suas dores de coluna
O que significa cada símbolo de lavagem nos produtos
Como a escolha de uma roupa de cama de qualidade é importante para a saúde
1234