Bem viver
3
junho

Como fazer jardim de inverno

Trazer a natureza mais para perto é algo que está em alta na decoração. Todo mundo ama umas plantinhas em casa! Com isso, muitas pessoas se questionam sobre como montar um jardim de inverno. Se você também gosta dessa opção, saiba que não é necessário grandes investimentos para ter um espaço bonito, charmoso e aconchegante.

Tem um espaço sem graça em casa? Transforme em um lindo jardim de inverno. Você pode criá-lo na sala, no quarto, na escada e em muitos cantinhos. Os tamanhos podem variar, mas um item é essencial: as plantas! São elas que vão trazer vida e alegria para a decoração. 

Confira algumas dicas que separamos para você fazer seu próprio jardim de inverno.

Escolha o espaço de instalação

Os jardins de inverno são super versáteis. Isso quer dizer que você pode instalar em espaços variados dentro (e fora) de casa.

Algumas ideias: 

  • embaixo da escada;
  • na sala de estar;
  • próximo ao banheiro;
  • em área anexa (com ou sem cobertura).

Vale a pena contratar um profissional para avaliar sua casa e fazer o projeto arquitetônico a fim de aproveitar bem o espaço disponível e equilibrar os elementos do jardim de inverno.

Defina as plantas

A partir da definição do local, você poderá pensar nas plantas que irá usar. Isso porque é essencial considerar as características do ambiente, como grau de luminosidade, ventilação e também questões como regas e cuidados.

Se você não tem muito tempo para cuidar do seu jardim (ou não tem prática com jardinagem), opte pelas espécies mais fáceis de cuidar e que sejam resistentes, como as suculentas e os cactos, que também estão em alta, ou a Espada de São Jorge, que é bonita e bem mística.

Algumas opções que precisam de pouca iluminação e crescem em espaços fechados:

  • Lírio da Paz;
  • Maranta;
  • Bromélia;
  • Zamioculca.

Analise a necessidade de paredes

Muitas espécies de plantas gostam de ambientes mais arejados, e isso deve ser levado em conta na hora de definir se seu jardim de inverno terá ou não paredes.

Caso seja preciso instalá-las por conta de animais domésticos, por exemplo, dê preferência para os modelos feitos em vidro: eles garantirão a iluminação natural e, ao mesmo tempo, permitirão que você e suas visitas possam apreciar o espaço criado.

Nessa etapa, ou mesmo na anterior, analise também a cobertura que ficará sobre as plantas, se é que haverá alguma. O ideal é que exista uma clarabóia, por onde a luz do sol também possa entrar, ou um teto alto, que permita maior circulação do ar. 

Favoreça a iluminação natural

Embora algumas plantas sejam mais resistentes à baixa exposição solar, todas precisam de luz natural para se desenvolver bem.

Por isso, fique atento à posição do jardim de inverno para favorecer a entrada de iluminação externa no ambiente. De preferência, instale o jardim próximo de janelas, portas ou paredes de vidro. 

Cuide para não bloquear a incidência de luz natural no jardim com cortinas, móveis, biombos e outros objetos.

Faça a manutenção

Não esqueça de fazer a manutenção regular do jardim de inverno: regar as plantas conforme a necessidade, retirar folhagens secas, limpar musgos, eliminar excesso de água e controlar pragas.

Assim, seu jardim de inverno vai estar sempre bonito e bem cuidado dando um charme extra para a decoração da sua casa!

Gostou do artigo? Continue acompanhando nossos conteúdos e veja mais dicas como esta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM


casa aconchegante
Como deixar a casa mais aconchegante no inverno?
Como identificar a qualidade de produto de cama e banho pela internet?
Conheça os benefícios das fronhas de seda Mulberry
Altenburg lança loja exclusiva para a marca Haus
1234